SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.46 issue4Postpartum depression beliefs and practices of mother careTherapeutic alliance in child psychotherapy: a systematic review of the literature author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Psico

On-line version ISSN 1980-8623

Abstract

COLOSSI, Patrícia Manozzo; MARASCA, Aline Riboli  and  FALCKE, Denise. De geração em geração: a violência conjugal e as experiências na família de origem. Psico (Porto Alegre) [online]. 2015, vol.46, n.4, pp. 493-502. ISSN 1980-8623.  http://dx.doi.org/10.15448/1980-8623.2015.4.20979.

Considerando os aspectos transgeracionais familiares e a relevância do tema da violência no relacionamento conjugal para diversas áreas do conhecimento, o presente estudo teve o objetivo de identificar possíveis associações entre violência conjugal e experiências da família de origem e verificar seu poder preditivo na perpetração de violência conjugal. Uma amostra de 300 sujeitos respondeu a um questionário de dados sociodemográficos, o Family Background Questionnaire e a Revised Conflict Tactics Scales. Os índices de violência conjugal mostraram-se expressivos e estabeleceram correlações significativas com as experiências de agressão na família de origem. Entre as mulheres, negligência física, abuso sexual e abuso de substâncias paterno foram preditores da agressão, enquanto, para os homens, o preditor foi abuso físico paterno. Discute-se o impacto das vivências na família de origem, assim como a relevância de políticas de atendimento a situações de violência, com vistas de interromper a perpetuação de um padrão relacional violento.

Keywords : Violência conjugal; família de origem; transgeracionalidade; violência familiar.

        · abstract in English | Spanish     · text in Portuguese     · Portuguese ( pdf )

 

Creative Commons License