SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
 número42Crenças de autoeficácia de gestores escolares: variáveis relacionadasAnálise de sistema de comunicação alternativa no ensino de requisitar por autistas índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Psicologia da Educação

versão On-line ISSN 2175-3520

Resumo

LAMEU, Joelma do Nascimento; SALAZAR, Thiene Lívio  e  SOUZA, Wanderson Fernandes de. Prevalência de sintomas de stress entre graduandos de uma universidade pública. Psicol. educ. [online]. 2016, n.42, pp. 13-22. ISSN 2175-3520.  http://dx.doi.org/10.5935/2175-3520.20150021.

O objetivo do presente estudo foi avaliar a prevalência de sintomas de stress entre os estudantes de graduação. Uma amostra de 635 estudantes da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro respondeu ao Inventário de Sintomas de Stress para Adultos de Lipp (ISSL) e a um questionário sócio-demográfico. A prevalência de stress encontrada foi de 50%, estando a maior parte desses alunos na fase de resistência e sendo predominantes os sintomas psicológicos do stress. Houve maior ocorrência de stress no sexo feminino, em alunos que moram em residências estudantis públicas ou privadas e que têm menos contato com a família (p<0,05). Assim como em outros estudos realizados com populações universitárias, foi encontrada predominância de stress no sexo feminino. Observou-se a importância da convivência com a família ao se identificar uma menor ocorrência de stress em alunos que residem e/ou visitam a família com maior frequência. A alta prevalência de alunos na fase de resistência, a predominância de sintomas psicológicos e o alto índice de alunos que acreditam necessitar de acompanhamento psicológico, indicam a necessidade de criação de programas preventivos, de diagnóstico e tratamento para essa parcela da população.

Palavras-chave : stress; saúde mental; estudantes universitários.

        · resumo em Inglês | Espanhol     · texto em Português     · Português ( pdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License