SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.38 issue94Paternal experience facing the diagnosis of fetal malformationAnorexic adolescents and their perception of family relationships author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Boletim - Academia Paulista de Psicologia

Print version ISSN 1415-711X

Abstract

ASSUMPCAO, Francisco Baptista  and  BERNAL, Marília Penna. Qualidade de vida e autismo de alto funcionamento: percepção da criança, família e educador. Bol. - Acad. Paul. Psicol. [online]. 2018, vol.38, n.94, pp. 99-110. ISSN 1415-711X.

Qualidade de Vida e Transtorno do Espectro do Autismo, é um tema que tem despertado maior interesse nos últimos anos, no entanto, são poucos os estudos que buscam esta avaliação através da visão da própria criança. O objetivo deste trabalho foi de avaliar a qualidade de vida de crianças portadoras de autismo de alto funcionamento, analisando o índice de concordância entre criança, familiar e educador, bem como analisar a sensibilidade do questionário utilizado quando respondido por terceiros. Foram estudadas 30 crianças entre 04 e 12 anos portadoras de Autismo de Alto Funcionamento, respectivos familiares e 24 educadores. Como instrumento de avaliação utilizou-se o Autoquestionnaire qualité de vie enfant imagé - AUQEI. Os resultados mostram boa consistência na resposta dos três grupos analisados, em que todas as crianças apresentaram índice de qualidade de vida satisfatório. A AUQEI demonstrou boa sensibilidade para avaliar a qualidade de vida na infância através de terceiros. Nos resultados encontrados percebe-se que as crianças avaliadas são capazes de fornecer informações sobre si, sobre sua qualidade de vida e o que as tornam felizes

Keywords : Autismo; Qualidade de Vida; Crianças Autistas; Família; Educadores Infantis.

        · abstract in English | Spanish     · text in Portuguese     · Portuguese ( pdf )

 

Creative Commons License