SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.15 número2A consciência e o mundo: o projeto da Fenomenologia Transcendental de Edmund Husserl índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Revista da Abordagem Gestáltica

versão impressa ISSN 1809-6867

Resumo

HOLANDA, Adriano. Fenomenologia e Psicologia: diálogos e interlocuções. Rev. abordagem gestalt. [online]. 2009, vol.15, n.2, pp. 87-92. ISSN 1809-6867.

O artigo propõe uma discussão em torno das relações entre Psicologia e Fenomenologia, tomando as duas disciplinas a partir de uma proximidade conceitual e formal. Principia por definir a Fenomenologia como uma epistemologia, um método, uma filosofia e uma ciência. O desenvolvimento do texto se apóia em quatro pontos, apresentados como pro-vocações, a saber: a) Que toda psicologia é e deve ser fenomenológica; b) Que a fenomenologia, em sua radicalidade, desemboca - necessariamente, numa ética da intersubjetividade e numa filosofia da existência; c) Que o pensamento fenomenológico no Brasil se constrói por vias diversas da filosofia husserliana, fazendo com que esta venha a ser conhecida tardiamente, o que provoca um "atraso" nos debates com a Fenomenologia em nosso país, e; d) Que Husserl pode ser considerado um psicólogo. Pretende-se apontar para o fato que os entrelaçamentos entre Fenomenologia e Psicologia são mais estreitos do que a literatura tradicional aponta.

Palavras-chave : Fenomenologia; Psicologia; Husserl; História da Psicologia no Brasil.

        · resumo em Inglês | Espanhol     · texto em Português     · Português ( pdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License