SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.15 issue2Meaning of volunteer businessDropping out and persistence in distance education actions: analysis of the student profile author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Revista Psicologia Organizações e Trabalho

On-line version ISSN 1984-6657

Abstract

GUIMARAES, Vanessa da Fonseca  and  ABBAD, Gardênia da Silva. Autoeficácia no uso do computador em situações de aprendizagem: uma análise da literatura internacional. Rev. Psicol., Organ. Trab. [online]. 2015, vol.15, n.2, pp. 170-187. ISSN 1984-6657.  http://dx.doi.org/10.17652/rpot/2015.2.319.

Este trabalho apresenta uma revisão da literatura sobre a autoeficácia no uso do computador (AEC) e tem como objetivos analisar e comparar definições e escalas adotadas pelos autores e examinar os principais resultados dessas pesquisas. Autoeficácia no uso do computador refere-se à crença que um indivíduo tem sobre a sua própria capacidade de usar com sucesso o computador e seus recursos. Esse conceito é importante em estudos sobre educação e treinamento, pois tem se mostrado correlacionado positivamente com aprendizagem, transferência de treinamento, atitudes e nível de participação de estudantes e trabalhadores em cursos presenciais e a distância mediados por computador. A revisão da literatura abrangeu textos científicos publicados entre 1998 e 2011 em revistas com corpo editorial e revisão por pares, encontradas no PsycINFO, Web of Science, BVS Psicologia ULAPSI Brasil e Scielo. Foram analisados 30 artigos que aplicaram escalas de avaliação de AEC. Os estudos mostraram que: as escalas avaliam apenas força, uma das três dimensões de autoeficácia propostas por Bandura (1986); não há distinção clara entre autoeficácia específica e geral; AEC está correlacionada positivamente com importantes resultados como aprendizagem e atitudes de participantes de cursos que adotam computadores no ensino. Ao final do artigo é proposta uma agenda de pesquisa para aprimorar medidas de AEC e investigar a relação dessa variável com aprendizagem, ansiedade ou estresse vivenciado por aprendizes, atitudes de aceitação ou rejeição de tecnologias no uso de computadores e novas tecnologias de informação e comunicação (NTICs).

Keywords : Autoeficácia no uso do computador; treinamento; aprendizagem.

        · abstract in English | Spanish     · text in Portuguese     · Portuguese ( pdf )

 

Creative Commons License