SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.4 número4Neuropsicología y la interdisciplinariedad: consenso de la comunidad brasileña de investigadores y clínicos en NeuropsicologíaPerfil neuropsicológico de los pacientes ancianos con dolencias mnemotécnicos primarios y los síntomas de depresión índice de autoresíndice de materiabúsqueda de artículos
Home Pagelista alfabética de revistas  

Neuropsicologia Latinoamericana

versión On-line ISSN 2075-9479

Resumen

PRUSOKOWSKI, Thiago S.; RINALDI, Juciclara; FRISON, Thirzá B.  y  OLIVEIRA, Alcyr A.. Reabilitação neuropsicológica em paciente adulto com quadro de anóxia cerebral. Neuropsicologia Latinoamericana [online]. 2012, vol.4, n.4, pp. 9-18. ISSN 2075-9479.  http://dx.doi.org/10.5579/rnl.2012.125.

O objetivo deste estudo é relatar os efeitos da reabilitação neuropsicológica em paciente adulto jovem com amnésia anterógrada, disfunção executiva, retardo psicomotor, sonolência, estupor, acinesia e alterações de humor consequentes de anóxia cerebral. O paciente encontra-se no terceiro ano de tratamento buscando adaptação ao contexto diário através da prática de atividades em ambiente simulado de residência. O atendimento ocorreu em duas sessões por semana com duração de 3 horas cada sessão. Uma das sessões era realizada em grupo com outros pacientes amnésicos para incentivar a interação, participação social e compartilhamento de experiências. Informações e orientações sobre o manejo do paciente eram periodicamente transmitidas aos familiares e cuidadores. As técnicas utilizadas no tratamento incluem a Terapia de Orientação para a Realidade, a Terapia de Reminiscências, Aprendizagem sem Erro, Treino Habilidades Sociais e a utilização de auxílios externos de memória. A avaliação dos resultados ocorreu na forma qualitativa que considera os aspectos comportamentais e funcionais, e na forma quantitativa que pondera o desempenho na avaliação neuropsicológica. Os resultados qualitativos apontam para uma ampliação da comunicação verbal espontânea, do vocabulário utilizado e o aumento da freqüência de comportamentos socialmente convencionados. A avaliação quantitativa apontou para estabilidade clínica sem alterações significativas entre avaliações iniciais e posteriores. A implementação de auxílios externos de memória ocorreu parcialmente devido às dificuldades de iniciativa do paciente. Os avanços observados de forma geral foram capazes de diminuir as demandas de cuidados pelo paciente tornando-o mais independente, o que representa ganho significativo termos de qualidade de vida.

Palabras clave : Amnésia; Reabilitação neuropsicológica; Memória; Anóxia; Disfunção executiva.

        · resumen en Español | Francés | Inglés     · texto en Portugués     · Portugués ( pdf )

 

Creative Commons License