SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.10 issue3EditorialThe school role in AIDS prevention: how teachers and principals evaluate the programs? author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Temas em Psicologia

Print version ISSN 1413-389X

Temas psicol. vol.10 no.3 Ribeirão Preto Dec. 2002

 

Atendimento psicológico a famílias na clínica e na comunidade: questões ético-metodológicas1

 

Psychological assistance to families in clinics and communities: ethical and methodological questions

 

 

Maria Aparecida Crepaldi; Carmen Leontina Ojeda Ocampo Moré

Universidade Federal de Santa Catarina

Endereço para correspondência

 

 


RESUMO

Considerando o atendimento psicológico de abordagem relacional sistêmica, destinado a camadas populares, realizado na clínica-escola de uma universidade e na comunidade, este trabalho pretende relacionar e discutir as questões metodológicas que concorrem para a eficácia de uma intervenção que procura manter a interação entre a Clínica e a Comunidade e suas agências de assistência, tendo em vista a promoção do desenvolvimento psicossocial de grupo familiar e o incremento da qualidade de suas interações com a rede de apoio social. O enquadre dessa discussão passa pela questão da ética no atendimento, considerado que a equipe terapêutica enfrenta o que foi denominado no presente artigo de "dilemas éticos", ou seja, situações que colocam aos profissionais a necessidade de tomar decisões que protejam os membros da família de situações drásticas, como em casos de violência familiar e abuso sexual, respeitando o código de ética dos psicólogos.

Palavras-chave: terapia familiar, ética no atendimento clínico, comunidade.


ABSTRACT

Considering the psychological assistance of the systemic relational approach, addressed to popular social-economical classes, realized in a Brazilian university clinic-school and in the community, this work intends to relate and discuss the methodological questions that contribute for the effectiveness of an intervention that tries to keep the interaction between the Clinic and the Community and their assistance agencies, having in mind the promotion of a psychosocial development of a familiar group and the quality improvement of their interactions with the social support net. The focus of this discussion addresses the ethical question in the assistance, since the therapeutic team faces what is denominated in the present paper the "ethical dilemmas", or rather, situations that put for the professionals the necessity to make decisions to protect the family members from drastic situations, as in cases of family violence and sexual abuses without infringing the ethical code of the psychologists.

Key words: familiar therapy, ethic in the clinical assistance, community.


 

 

Texto completo disponível apenas em PDF.

Full text available only in PDF format.

 

 

Referências bibliográficas

Anderson, H. e Goolishian, H. A. (1989). Los sistemas humanos como sistemas linguisticos: Implicaciones para la teoria clinica y la terapia familiar. Revista de Psicoterapia, 2 (6/7), 41-71.

Andolfi, M. (1984). Por trás da máscara familiar: Um novo enfoque em terapia familiar. (M. C. Goulart, Trad.) Porto Alegre: Artes Médicas.

Andolfi, M. (1996a). A linguagem do encontro terapêutico. (R. S. Di Leoni, Trad.) Porto Alegre: Artes Médicas.

Andolfi, M. (1996b). A terapia familiar: Um enfoque interacional. (J. C. V. Gomes, Trad.) São Paulo: Workshopsy.

Minuchin, S. (1982). Famílias: Funcionamento & tratamento. (J. A. Cunha, Trad.) Porto Alegre: Artes Médicas.

Papp, P. (1992). O processo de mudança. (M. E. F. Maia e C. Kinsch, Trads.) Porto Alegre: Artes Médicas.

Pearce, W. B. (1996). Novos modelos e metáforas comunicacionais: A passagem da teoria à prática, do objetivismo ao construcionismo social e da representação à reflexividade. Em D. Schnitman (org.), Novos paradigmas de cultura e subjetividade (pp. 172-187). (J. H Rodrigues, Trad.) Porto Alegre: Artes Médicas.

Singer, P. (1991). Ética prática. (J. L. Camargo, Trad.) São Paulo: Livraria Martins Fontes.

 

 

Endereço para correspondência:
M. A. Crepaldi
Núcleo de Estudos em Família, Saúde e ComunidadeDepartamento de Psicologia - UFSC
Campus Universitário, Trindade
CEP: 88040-900, Florianópolis - SC
Fone: (48) 3335772, fax: (48) 3319283
e-mail: crepaldi@cfh.ufsc.br

Recebido em: 27/10/00
Aceito em: 23/03/04

 

 

1. Trabalho apresentado no Simpósio Questões metodológicas e éticas na pesquisa e intervenção com famílias, XXX Reunião Anual de Psicologia da Sociedade Brasileira de Psicologia, Brasília - DF, outubro de 2000.